Voltar para  Home
 
 
568.214
HistoricoHistoricoAtuaçãoResultados
 
 
18/05/14
"Fiquei Desesperada"
Literatura - Entrevista de Edith Modesto
Revista ATrevistas integrante do Jornal: A Tribuna de Santos (SP)

30/05/09
"Entre mulheres" dá visibilidade às lésbicas
Literatura - Entrevista de Edith Modesto
Jornal: O Tempo Belo Horizonte (MG)

01/05/09
"Será que elas são..." Comportamento - págs. 83 a 85.
Entrevista de Edith Modesto
Revista Nova Escola.

27/08/08
"Para sair do armário" Comportamento - págs. 59-60.
Entrevista de Edith Modesto
Revista Veja São Paulo

03/08/2007
Projeto Purpurina realiza II encontro na Vila Madalena
Escola da Rainha - Vila Madalena, e a ONG GPH (Grupo de Pais de Homossexuais) irá promover a segunda edição do Projeto Purpurina.
CADS (Coordenadoria de Assuntos de Diversidade Sexual)

15/10/2006
Mãe, sou homossexual !
Pesquisadora transforma sua luta pela aceitação do filho homossexual numa ONG dirigida a pais que vivem o mesmo problema.
Estadão - Suplemento Feminino

03/08/2006
"Quando o filho sai do armário a mãe entra"
Conheça a história da professora que, ao aceitar a homossexualidade do caçula, fundou um grupo que discute os preconceitos.
Entrevista na Revista Malu

25/07/2006
Edith na Revista Forum
Veja a participação de Edith em matéria na Revista Forum.
Entrevista na Revista Forum

23/07/2006
Quando o assunto é homossexualidade
Quando descobriu que seu filho era gay, Edith Modesto não nega: sofreu muito. Mais encontrou um caminho para não sucumbir...
Entrevista no Jornal Hoje em Dia de Belo Horizonte

14/06/2006
Uma mãe bem resolvida
Com um filho homossexual , Edith Modesto lança obra sobre o assunto
Entrevista para o Jornal Correio Popular - Campinas / SP

31/05/2006
A palavra dos Pais
Edith Modesto, fundadora e coordenadora do GPH, escolheu uma data oportuna para lançar seu novo livro "Vidas em Arco-Íris"
Estadão - Caderno 2

10/01/2006
O difícil processo de aceitar a diferença
Os nossos filhos homossexuais, quando ofendidos, ao contrário, tendem a se retrair, não denunciando nem procurando ajuda, pois sabem que a sociedade discrimina o diferente.
Depoimento da fundadora do GPH, na Revista Cláudia
 
   
Desenvolvido por: StudioAghata Mapa do Site | F.A.Q.